terça-feira, 17 de março de 2009

Águas de março

Por Ira

Huuummm! São 9h47. Ótimo, coloquei meu celular pra despertar as 10h, então ainda tenho mais 13 min pra ficar aqui na cama, acordando lentamente. Hoje meu dia vai ser ótimo. Dia claro, bonito, Solzão. É tudo que eu precisava pra me dispor a sair pra procurar um emprego decente... Nossa! Já são 10 horas? Mas como passou tão rápido? Acho que cochilei um pouquinho. Bem, vamos lá. Preciso procurar no google maps os endereços das empresas que quero trabalhar... Puts! As 8 são na Av. Paulista, se conseguir em qualquer uma está ótimo. Adoro a Paulista...
Uauuu! Sabia que essa roupa ia ficar ótima. Qualquer pessoa vai querer me contratar hoje, só de olhar pra mim. Eu me contrataria.
_ Moço, tira 10 cópias desse currículo pra mim, por favor?
_ Ok. Pode pagar no caixa. São R$4,00.
_ Ok.
Puta merda! Eu só tenho R$3,00. Que vergonha! E agora?
_ É... moço... enquanto você termina aí eu vou aqui na minha casa pegar meu celular que eu esqueci e já volto.
_ Mas eu já to terminand...
_ Ai moço, eu moro aqui em cima, já to voltando, que coisa!
Vergonha, vergonha, vergonha! Se eu não tivesse essas moedas aqui em casa, morria.
Hum... o prédio da primeira empresa é aquele.
_ Boa tarde! Vou no sétimo andar falar com a Jaqueline, por favor.
_ Sua identidade.
Eles são tão educados, esses porteiros...
_ Vai fazer o quê lá em cima?
_ Ah! Eu vou falar com a Jaqueline.
_ Ela ta te esperando?
_ Então, eu liguei hoje cedo e falei com uma moça que eu viria.
_ Ela não sabe quem é você. É sobre o quê?
_ Ah, é que na verdade eu queria entregar meu currículo pra ela e...
_ Pode deixar comigo aqui embaixo que eu entrego.
_ Ah sim, claro! Muito obrigado e bom trabalho!
Que pena! Não confio em porteiros. Acho que ele não vai entregar. Amanhã ligo e pego o e-mail dela.
PUTA QUE PARIU! De onde saiu essa chuva? Pelo menos não está forte. Ai, mas meu óculos tava perfeito com meu visual socialzinho de hoje. Droga!
De novo não me deixaram subir. Merda! Será que me arrumei todo pra nenhuma empresa nem me ver? O que esses porteiros entendem de personalidade fashion? Genteee, porque essas pessoas não andam? Parece que ninguém aqui mora em São Paulo, ta todo mundo passeando, é? Que merda!
Ah! Queria trabalhar nesse hotel. Pela olhada que o recepcionista me deu tenho certeza que, se dependesse dele, já estaria trabalhando lá. Adorooo! Sabia que ia arrasar hoje. Acho que vou voltar pra almoçar aqui outro dia. Que horas será que ele sai?
Eh meu filho ta louco? não olha pra frente, porra? Ai que saco! Não suporto gente que não sabe andar na rua.
Porque não me deixam subiiiiiiiirrrr? Eu me arrumei todo pra causar uma boa impressão pros porteiros? Que merdaaa! E essa chuva que não passa? Se mais um carro jogar água em mim eu juro que jogo uma pedra. Minha filha, sai da minha frente e para de preocupar com esse cabelo porque não tem como ele ficar pior do que ta nem molhado, nem escovado, nem raspado. Inferno! Droga!
E esse guarda chuvas do diabo. Desde que cheguei to falando que tenho que comprar um novo, mas a preguiça nao deixa. Idiota! Idiotaaaaa! Será que as pessoas estão reparando que tem 3 pernas quebradas no meu guarda chuva? Acho que não. O guarda chuva de todo mundo tem alguma perna quebrada, não tem? Aposto.
Se não me deixarem subir na próxima eu bato na recepcionista. O que eles acham? Que vou assaltar o prédio? Já viram um assaltante usando Yves Saint Laurent? Imbecis! Noossaaa! Que lindo! Será que eu volto? E falo o quê? Ah! Deixa passar. Uhuu! Ainda ta olhandooo... gente, adoro sair de casa com minha auto estima assim. Tão pra cima. Sabia que o dia hoje ia me fazer bem.
Ai, detesto esses moços que ficam querendo vender essas revistas pras pessoas. Vou fingir que não to vendo ele ali. Ai que inferno, ele ta me olhando. Nem vem, nem veeem. Olha o tanto de gente passando, porque eu, porque eeeeuu?
_ Boa tarde...
_ Agora nao moço, na volta, tá? Obrigado!
Ai gente, será que fui grosso? Tadinho né? Ele ta trabalhando. E se fosse eu e ninguém quisesse me ouvir?
FILHO DA PUTAAA! Tomara que fure seu pneu pra você aprender a não jogar água em pedrestres, seu escroto.
Acabou, vou embora. E eu que achei que ia molhar só um pouquinho. Será possível que ninguém mais tenha um guarda chuva quebrado nessa cidade? É a terra dos donos dos guardas chuva imponentes e perfeitos? Porque a gente não vê um desses vendendo nas lojas? Onde eles compram. Eu só vejo esses moços vendendo esses que vão estragar na esquina de baixo. Será que só eu compro deles?
Ai, o moço da revista. Hum... até que parece legal assinar essa parada.
Pronto, sou sócio de não-sei-o-quê e posso ir ao teatro de graça nao sei quando. Depois eu leio esse troço. Pelo menos foi só 20 paus.
Putz! Não cabe mais água em mim. Era uma vez meu sapato. Yves Saint Laurent está afogando no túmulo de tanta água nessa calça. Não saio daqui enquanto a chuva não passar.
Ai, um repórter. Ah não, só faltava ele me ver e vir falar comig... me viu.
Entrevista dada pro Rock Gol da MTV. Ótimo, será que ele percebeu que eu ODEIO futebol? Só topei porque ele é lindo. Putz!
...
Meu, que frio! Bzzzzz! Merda, meu queixo ta batendo. Vou quebrar os dentes desse jeito. Essas coisas só acontecem comigo. Que friooooo!
...
Jack!... Jack!... kakakakak Eu to ficado doido.
Ah vai, essa chuva nunca mais vai passar. Já tem 1h15 que to aqui parado. Fuck it!
Ahhh! Home sweet home! Acho que daqui uns 15 dias eu vou conseguir voltar a me aquecer.
Gripei! Shit!

3 comentários:

Rafael disse...

Acho sinceramente que vc deveria ter ido conversar com o carinha, como assim gente? deixar passar batido? Para de feiura Marlon Antônio...hehehe.

Vitor Veríssimo disse...

Huahuahuahau...gente...adorei...
merda...
merda...
merda...

rossanademarchi disse...

HAHAHA EU TE VI NA MINHA FRENTE FALANDO ESSE POST! SUA CARA HUHAUAH

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...