sexta-feira, 18 de setembro de 2009

Eu, Príncipe Encantado

Por Marlon Vila Nova

Cresci ouvindo contos de fadas. Nunca soube muitos detalhes de nenhum deles, assisti a pouquíssimos e devo ter lido no máximo uns dois. Não sei porque, ao certo, acredito tanto nessa magia e espero impacientemente pelo "felizes para sempre".
Ouvi, tempos atrás, alguém dizer que os finais felizes são sempre felizes porque eles terminam no auge do amor. Como seria se Romeu e Julieta não tivessem morrido? E em que consiste a rotina para sempre feliz da Branca de Neve e do príncipe?
Fazendo uma análise de minha vida posso dizer que vivo um conto de fadas todos os dias. E que inúmeros finais ainda mais bonitos que os dos contos de fadas já existiram em minha vida, que insistiu em continuar seguindo seu rumo transformando o final em metade de mais uma história.
Já despertei Belas Adormecidas, encoragei príncipes, já fui príncipe e já vivi princesas em várias histórias. Parando de contar no momento certo, minha vida é o maior acontecimento encantado de todos os tempos.
A magia acontece todos os dias. Basta saber o momento certo para se escrever o "The End".

8 comentários:

Cristiano Contreiras disse...

Boas indagações e reflexões, Marlon.

Sabe, Mr Vila Nova:

A magia acontece, flui todos os dias, se realmente quisermos, se nosso coração permitir, se nosso ser sentir a necessidade e for capaz. É interessante estar imerso na possibilidade do sonho, do 'conto de fadas' diário - já que a realidade anda densa, cruel e pessimista.

A fuga? é se permitir à esperança de um futuro mais justo, feliz, satisfatório e, claro, mágico!

Aparece sempre no Apimentário, viu? Já sou seu seguidor aqui, notou? abs

Gigi Andrade disse...

então quer dizer que vc tomou um porre de GiGi Andrade ?!?!
ADOREi !

quero continuar sempre* escutando você falando dos seus contos de fadas, princípes, princesas, carruagens e dormir sempre no topo do seu castelo encantado seja ele na nove de julho ou em londres, estarei contigo!

TE AMO!

Remi disse...

Sabe que eu sempre penso assim?
Tanto que as vezes que eu mais considero suicídio são exatamente os momentos mais felizes da minha vida! =D

PedroPeter disse...

I wish I was a prince sometimes.

rossanademarchi disse...

A magia acontece todos os dias. Basta saber o momento certo para se escrever o "The End".

diz tudo

railer disse...

pra sempre não existe (caramba, tenho uma postagem sobre isso já pronta pra lançar, acredita?), temos que viver o hoje, cada momento e bem vivido.

Ale disse...

adorei!!!!

Anônimo disse...

Se há magia, por que escrever o The End?

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...